Luiz Geraldo Mazza (2016) Jornalismo – Paranaguá – Paraná

“Eu sou um cara que tentou a literatura e acabou no jornalismo!”
Natural de Paranaguá, nascido em 1931, onde na casa do seu avô se hospedou o maestro Heitor Villalobos que realizou naquela cidade litoreana o seu primeiro concerto no país, fato histórico pouco conhecido, segundo admite o Mazza.
Estudou na escola normal, jardim da infância, vindo para Curitiba com 9 anos, estudando sempre em escolas públicas. Sua vida profissional é extensa, como jornalista por onde passou por diversos órgãos de imprensa, jornais, rádios e televisão. Mazza é exímio contador de histórias, tendo vivido no tempo da segunda Guerra Mundial, Getulio Vargas, da ditadura militar onde foi perseguido como tantos outros colegas de profissão.
Foi um dos fundadores do revolucionário “Diário do Paraná”, o jornal associado de Chateaubriand, fundado em 29 de março de 1955 em Curitiba.
Aposentado como Procurador do Município tem na pesca e na caipirinha seus hábitos costumeiros, além claro como comentarista político e do cotidiano na Rádio CBN, onde atua há vários anos. Escreve uma coluna politica diária no jornal “Folha de Londrina”. Não tem carro, nem celular e não despreza um banco de ônibus para se deslocar.
Mazza não tem papas na língua, sem ofender a quem quer que seja, é franco e direto, independente qual seja o alvo, se renomado ou não. “Não tenho o rabo preso com ninguém. Nunca tive!”
Luiz Geraldo é pai, avô e bisavô e do lar. Uma figura respeitada e querida, que ao completar 80 anos foi o primeiro jornalista do Paraná merecedor de um Jornal inteiro e exclusivo com depoimento das mais expressivas e curiosas personalidades profissionais e políticas da cidade. Um show.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *