Lauro Grein Filho (2009) Turfe – Rio Negro – Paraná

Lauro Grein Filho, era um grande entusiasta do turfe, sem ter sido criador ou proprietário de cavalos. Sua paixão eram as corridas no hipódromo do Guabirotuba analisadas por ele, como cronista de turfe, em “O Dia” e também na Gazetinha Turfista, um tabloide semanal da Gazeta do Povo.

Sua memória das décadas de 40 e 50 sobre o turfe paranaense eram incríveis, ao lembrar de nome de cavalos, proprietários e o cúmulo de até registrar o rateio de um determinado vencedor. Essa sua “memória cavalar” permitiu ao jornalista de turfe Luiz Renato Ribas Silva, enriquecer o seu livro “Esses Cronistas Super Heróis e Suas Mancadas Maravilhosas” (edição lançada em maio de 2006). Lauro relata em seu depoimento, 2009, casos curiosos vivenciados no prado velho, bem como sua admiração pelo interventor Manoel Ribas, como um dos mais assíduos turfistas do Guabirotuba, numa discrição detalhada e bem humorada, incluindo também de episódios do nosso turfe pouco conhecidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *